Encurtador de URL e como encurtar endereço em Mídias Sociais


Recentemente fomos informados que existe um promissor encurtador de URL hospedado conosco com um dos nossos clientes. Promissor por que ele ainda tem muito para agregar e crescer. Trata-se do Ipor.to (www.ipor.to), e por isso vamos falar também de outras opções.

Sim, hoje existem mais de 10 encurtadores, somente no Brasil, fora os que são lançados diariamente no mundo afora. Até o Google já fez o dele (www.goo.gl), embora não esteja liberado ainda para redirecionar para qualquer endereço. Talvez por precauções jurídicas (ver mais abaixo).

O que é um encurtador de URL? Com o advento dos blogs, fica chato ficar digitando o endereço de um post legal no seu formato completo, por exemplo, “www.kinghost.com.br/blog/2010/07/encurtador-de-url-e-como-encurtar-endereco-em-midias-sociais“,  ficaria “ipor.to/lkhka“. Muito mais fácil, até por que o endereço original tem 90 caracteres. E o encurtado, 13. Se optasse por usar o endereço original no Twitter, por exemplo, quem usasse, seria exorcizado virtualmente. Primeiro por que foge das regras de etiqueta, segundo por que estaria usando 65% do espaço destinado à mensagens no Twitter. Usando o encurtador de endereço, fica clean, limpo e fácil de usar.

Então quais os diferenciais entre todos os encurtadores de endereço que existem?

Podemos citar cinco, e quem tiver estas qualidades vai se dar muito bem:

1) Nome usável e fácil de ser usado e decorado. “Ipor.to” mantém esta linha. Outros também podem ser citados, como: bit.ly, o tradicional tinyurl.com, o abre.ae (muito bom nome), pra.la (outro bem curto e critiavo);

2) API para não precisar acessar o site do encurtador para criar uma URL encurtada, poder agregar à outro software, enfim, dar mais liberadade ao programador. O Ipor.to tem isso, e o pra.la também;

3) Estatísticas: nisso o tinyurl.com é imbatível e o ipor.to ainda não oferece;

4) Controle de malware + depto de abuse: isso não vimos em nenhum deles ainda. E eu penso que é o ponto crucial do negócio, pois nada impede qualquer vivente de usar o serviço para divulgar malware. E as autoridades vão precisar acionar alguém para barrar esta divulgação quando ocorrer. Quanto mais fácil for o contato, menos problemas o serviço de encurtamento de URLs vai ter;

5) Estabilidade. De nada adianta o nome ser bonitinho e viver fora do ar. Neste ponto, todos parecem bem estáveis.

Comentários

comentário(s)

1 comment

Add yours

+ Leave a Comment