• Mostrando resultados da busca por {{ posts_busca["corrected"] }} {{termo_busca}}
  • {{post.title}}
  • Não foram encontrados resultados para {{ posts_busca["corrected"] }} {{termo_busca}}

Como instalar e utilizar o MTR

Lucas Souza - Especialista de Atendimento na KingHost

Está enfrentando dificuldades de rede em sua máquina, e não sabe como diagnosticar? Neste artigo, saiba como instalar e utilizar o MTR.

O MTR (My Traceroute) é uma ferramenta desenvolvida pela BitWizard e serve para analisar/diagnosticar problemas de rede (alta latência, perda de pacotes, conectividade a um host específico, entre outros).

A ferramenta combina as características de ping e tracert, e durante sua utilização, você terá uma lista de “saltos” que um pacote de informações percorreu, entre seu computador e um host/endereço específico.

Neste artigo você verá o processo de instalação do MTR nos Sistemas Linux/Windows, assim como sua utilização em cada um deles.

Como instalar e utilizar o MTR – Linux

Para instalar o MTR em distribuições baseadas em Red Hat, execute o seguinte comando:

sudo yum install mtr

Para instalar o MTR em distribuições baseadas em Debian, execute o seguinte comando:

sudo apt-get install mtr

Por fim, após instalado, você pode testá-lo com o seguinte comando:

mtr [host_destino]
MTR Linux

Como instalar e utilizar o MTR – Windows

Para Windows, você consegue baixar o WinMTR através deste link.

Por fim, descompacte o arquivo e clique duas vezes no WinMtr.exe. Na interface do WinMTR, insira algum endereço/host no campo Host e clique em Start:

WinMTR
Fonte: SnapFiles

Para que você tenha informações assertivas e confiáveis, deixe o MTR executando por aproximadamente 15 minutos. Em suma, direcione sua análise para o “Packet Loss” nos saltos, para mapear perdas de pacotes, além de observar a média de tempo em determinado salto.


Clique aqui para enviar o conteúdo desta página por e-mail
Se você ainda estiver com dúvidas ou precisando de ajuda, contate-nos via telefone ou chat e converse com o nosso suporte. Se possível, tenha em mãos o seu código de cliente e a sua senha de atendimento para ser atendido com mais agilidade.
66 visualizações

Esse artigo foi útil pra você?