O que é investimento e como eu consigo um?


O que é um investimento? Investir significa aplicar algum tipo de recurso, como dinheiro ou título, com a expectativa de obter lucro. Ou seja, receber algum retorno futuro superior ao que foi aplicado. Existe um tipo de investimento que é chamado de capital de risco ou venture capital. É uma forma de investimento que favorece um negócio através da compra de ações; as ações são compradas para que após a valorização dessas o comprador tenha lucros.

O nome “risco” se dá porque esse é um tipo de investimento em empresas em estágio inicial, com potencial de geração de receitas e lucros ainda incerto. Neste investimento, o risco é bem maior, pois trata-se de algo novo. Existem diversos estágios de venture capital disponíveis para startups brasileiras:

Angel money: os investidores-anjo procuram empresas nascentes, algumas até mesmo no campo das ideias. Eles normalmente investem entre R$ 50 mil até R$ 500 mil em startups próximas – de parentes, amigos, conhecidos ou na sua cidade – e tentam vender sua parte para investidores maiores.

Seed capital: é a primeira camada de investimento acima do investidor anjo, indo normalmente de R$ 500 mil a R$ 2 milhões no Brasil. Normalmente, para diluir seu risco e diversificar sua carteira, os investidores de capital semente montam fundos que captam de vários investidores, e assim conseguem aportar capital em mais empresas e maximizarem suas chances de acertarem em cheio. As empresas que eles procuram já possuem clientes, produtos definidos, mas ainda dependem de investimento para expandirem o consumo e se estabelecerem no mercado.

Private equity: fundos de private equity são responsáveis pelas operações de fusões e vendas em grandes empresas, que normalmente faturam mais que R$ 100 milhões anualmente. Nesse estágio, os investimentos envolvem quantias bem maiores que os R$ 10 milhões do VC, e por isso os investidores costumam trabalhar com empresas de capital aberto ou prestes a abrirem seu capital.

Geralmente, as pessoas que estão iniciando a sua empresa ou colocando a sua ideia no papel, pensam nestas questões como algo muito complicado, o que pode desmotivá-las. No Conexão KingHost, reunimos investidores para abordar as necessidades e dificuldades para a realização de investimentos em Startups, além de dicas de como o empreendedor deve se preparar para esse momento. O painel contou com representantes de Investimento Anjo, Venture Capital e Private Equity.

Você pode dar uma olhada na palestra para sanar as suas principais dúvidas e começar o seu projeto!

Comentários

comentário(s)

Categories

+ There are no comments

Add yours