Alternativas ao frete no Brasil


Em época de greve de caminhoneiros no Brasil, os processos de logística dos mais variados tipos de empresa foram prejudicados. Tendo isso em vista, novas alternativas aos tradicionais fretes via Correios ou transportadoras em geral começam a ser avaliadas pelas empresas que costumam contratar esse tipo de serviço.

Pensando nisso, listamos algumas opções que podem salvar a reputação das empresas em situações como a que estamos vivendo hoje.

– Mais de uma opção de entrega para o cliente

Você não precisa ter uma operação gigante para poder oferecer mais de uma opção de entrega do produto comprado para seus clientes. Assim, ele também tem mais possibilidades de valores a serem pagos pela entrega. É na hora de calcular o frete que muitos clientes desistem da compra, portanto, vale a pena testar outros meios de oferecer o serviço de entrega, como serviços de motoboy, entregadores que utilizam bicicletas, fretes particulares, e a retirada na loja ou em estabelecimentos parceiros.

Para os clientes que moram na cidade do depósito, realizar parcerias com outras empresas parceiras pode ser uma ótima – e econômica – solução. Geralmente, locais como espaços de coworking aceitam esse tipo de acordo.

– Pense diferente

Independente da cidade em que você mora, antecipe-se planejando formas alternativas de garantir que as compras cheguem em seu destino: de bicicleta ou de avião, essas são duas possibilidades que dificilmente são consideradas pelos responsáveis pela logística das empresas. O transporte aéreo pode ser mais simples e rentável do que você imagina, portanto, pesquise sobre todas as possibilidades!

– Faça a lição de casa

E registre o planejamento de tudo o que pode ser previsto no cenário em que sua empresa se encaixa – e fora dele. Quais são as datas mais importantes para o seu negócio neste ano? Quais ações irão depender de serviços terceirizados de transporte? Respondendo a essas perguntas, você estabelece mais de uma opção de transporte para cada caso.

– Crescimento de 20% em 2015 do e-commerce segundo o e-bit

Por mais que este seja um ano que já começou pesado para empresários e cidadãos em geral, a expectativa é que ao menos os e-commerces observem a concretização da previsão de crescimento de 20% (4% a menos do que foi previsto no ano passado).

Ou seja, além de existir esperança, existem as oportunidades que surgem frente a qualquer cenário de crise: encontre as oportunidades que sua empresa poderá aproveitar.

 

Pra usar agora:

Alguns métodos de entrega que podem ser explorados não só em épocas de crise ou greve, mas também como possibilidade de estabelecer um contato de parceria com empresas que realizam serviços como os citados abaixo.

– Pelo céu

Existem diferentes empresas que oferecem o serviço de entrega via área, além das próprias companhias aéreas. Geralmente, essa é a maneira mais rápida e prática de garantir que a sua entrega cumpra o prazo prometido.

– Pela ciclovia

Essa é uma alternativa legal e sustentável para oferecer aos clientes que moram na mesma cidade do seu depósito.

– Frete particular

Uma combinação que pode ser feita entre empresário e iniciativas como a http://freta.la/ que oferece soluções tanto para o consumidor quanto para as empresas.

Ariadne Cercal
Últimos posts por Ariadne Cercal (exibir todos)

Comentários

comentário(s)