Extensões de Domínio: entenda TLD, gTLDs e ccTLDs


Quando pensamos em hospedagem de sites, precisamos lembrar também da etapa de compra de domínio. Há diversos fatores que precisam ser levados em consideração, desde o nome do domínio que se está prestes a comprar, o quanto isso poderá afetar no branding da sua marca, ou seja, na divulgação do seu produto; e na otimização de ferramentas de buscas, como o SEO.

Sabe aquele sufixo no final do endereço de um site, tipo o “.com”? Ele é uma extensão de domínio. Há diversos tipos de extensões e, para que você entenda melhor cada uma delas, vamos explicar melhor neste post.

Extensão de Domínio de Topo (TLD)

Ao comprar um domínio na KingHost, você poderá escolher entre diferentes TLDs. É importante atentar que cada TDL tem suas vantagens e, por isso, sempre é bom verificar qual atende melhor às demandas do seu negócio ou produto. Além disso, escolha a que faz mais sentido para o seu negócio, por ex: caso trate-se de educação, a extensão “.edu” pode ser mais aconselhada; caso seja um comércio, a “.com” é mais indicada; etc.

Quer saber como escolher o melhor domínio para o seu site? Clique aqui e confira este artigo que a Gerente de Marketing e Produtos da King

As TLDs podem ser divididas em gTLDs e ccTLDs, os dois grandes grupos de extensões das quais os utilizadores podem escolher.

Domínio Genérico de Nível Superior (gTLDs)

É um tipo de extensão conhecida como genérica ou internacional. Elas se dividem em duas outras categorias: patrocinadas e não-patrocinadas. As não patrocinadas não precisam de qualquer associação ou organização patrocinadora para que seja possível a realização do registro, também não tem muitas restrições. Exemplos: .com, .net, .org, .biz, .info.

Já as gTLDs patrocinadas são aquelas que representam uma comunidade associada à extensão, como por exemplo: .edu, .gov, .mil, .aero, etc.

Código de País de Domínio de Nível Superior (ccTLDs)

Conforme indica o nome da extensão, elas correspondem oficialmente às duas letras que representam mais de 250 países e territórios disponíveis. Para utilizá-los, é necessário cumprir condições especiais como ser um habitante local do país respectivo à extensão que se pretende comprar. Exemplos: .pt., .br, .uk, .uy.

Transferir domínio registrado para KingHost

Caso você já possua um domínio registrado e tem a intenção de migrá-lo para a KingHost, a migração é feita de forma gratuita. Além disso, também é realizado sua transferência.

Agora que você já sabe detalhes sobre o assunto, fique por dentro dos planos de hospedagem de site que a KingHost tem para você clicando aqui. Para mais novidades e dicas, acesse o Blog da KingHost.

Ivan Guevara

Ivan Guevara

Analista de Conteúdo em KingHost
Jornalista por formação, especialista em Marketing pela FGV. Movido por música, good vibes e baterias carregadas.
Ivan Guevara

Últimos posts por Ivan Guevara (exibir todos)

Comentários

comentário(s)