KingHost recebe homenagem por pioneirismo do IPv6 no Brasil


A KingHost recebeu homenagem do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), em comemoração aos 10 anos da iniciativa IPv6.br, que aconteceu nesta terça-feira, 09, em São Paulo. A condecoração foi dada a empresas e instituições que tiveram participação pioneira e ativa no processo de implementação do IPv6 no Brasil.

Ouça o conteúdo na íntegra:

“Com um histórico de inovações, a KingHost foi pioneira no Brasil, entre as empresas de hospedagem de site, a implementar o IPV6. Foi também a primeira a disponibilizar SSL gratuito Let’s Encrypt para hospedagem compartilhada, ao oferecer hospedagem otimizada para WordPress e a aceitar bitcoins e litecoins como forma de pagamento”, pontua o especialista em Infraestrutura e Hosting do grupo, Felipe Olivaes, que esteve presente no evento e recebeu uma placa em homenagem à empresa.

A comemoração dos 10 anos da iniciativa IPv6 no Brasil contou com uma programação que incluiu um panorama de esgotamento do IPv4. Além disso, também foram debatidas questões técnicas e jurídicas envolvendo CGNAT (solução provisória adotada por empresas para compartilhar os IPsv4 entre diversos usuários simultâneos) e a guarda de logs no âmbito do Marco Civil da Internet e da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais.

Sobre o IPv6.br

Em janeiro de 2015, apenas 0,1% de usuários de Internet no Brasil utilizavam IPv6. Segundo o gerente de Projetos e Desenvolvimento do NIC.br, o avanço se deu basicamente nos últimos quatro anos e tem sido muito expressivo. Desde 2012 a KingHost disponibiliza 100% dos seus servidores prontos para a tecnologia IPV6 no Brasil. Os estudos para implementação começaram um ano antes da ativação definitiva, o que garantiu a empresa ser a primeira a disponibilizar a ferramenta de ativação em tempo real.

Entendendo o que é IPv6

IP é a abreviação de Protocolo Internet (do inglês, Internet Protocol). O protocolo nada mais é que um conjunto de regras utilizado para que os computadores consigam se comunicar em uma rede.

De forma bem simples, podemos fazer uma analogia entre o número ou endereço de IP e o endereço de uma casa. Sendo assim, cada computador terá um IP, ou seja, um endereço, que indicará o caminho para envio e recebimento de dados, viabilizando a comunicação entre os computadores.

A Internet não foi projetada para comportar o tamanho que tem atualmente. Seu crescimento ocorreu de forma exponencial após sua abertura para utilização comercial e a ampliação continua ocorrendo rapidamente, com a conexão de novas empresas, instituições e pessoas à rede. Por este motivo o IPv4, endereços até então utilizados, se esgotaram.

Prevendo isso, foi desenvolvido o IPv6, como seu sucessor, visando suprir a demanda por novos endereços na Internet. O IPv4 é uma extensão de 32 bits, ou seja, há um total de 4.294.967.296 endereços possíveis, já o IPv6 é de 128 bits, totalizando 340.282.366.920.938.463.463.374.607.431.768.211.456 endereços.

Fique ligado no LAB, o Blog da KingHost para mais notícias e novidades.

Ivan Guevara

Ivan Guevara

Analista de Conteúdo em KingHost
Jornalista por formação, especialista em Marketing pela FGV. Movido por música, good vibes e baterias carregadas.
Ivan Guevara

Comentários

comentário(s)

Categories