🔐Checklist de Segurança: Como manter seu site e os dados de seus clientes seguros💻

Kinghost | Blog

Cobrança recorrente: entenda o que é e quais as vantagens do modelo

Publicado em 08/03/2023

Atualizado em 03/06/2024
Capa com pessoa utilizando computador. Imagem ilustrativa para texto cobrança recorrente.

Você já pensou em adotar o modelo de cobrança recorrente para impulsionar seu negócio?

Isso significa cobrar seus clientes por meio de planos, assinaturas e mensalidades, transformando uma compra pontual em um relacionamento de longo prazo.

E se você acha que sua empresa não se encaixa nessa modalidade, saiba que cada vez mais segmentos entram na recorrência para lucrar com a receita contínua.

Gostou da ideia?

Então, continue a leitura e entenda melhor o que é cobrança recorrente, quais as suas vantagens e como adotar esse modelo de negócio.

O que é cobrança recorrente?

Cobrança recorrente é um modelo de negócio no qual os clientes são cobrados de forma periódica e contínua para ter acesso a um produto ou serviço.

No caso, o consumidor assina um contrato com a empresa e aceita fazer o pagamento mensal (ou semanal, quinzenal, bimestral, anual, etc.) na data combinada.

Dessa forma, ele tem acesso ao produto ou serviço oferecido durante a vigência do acordo.

No mercado, a cobrança recorrente é feita por meio de planos, assinaturas e mensalidades.

Logo, toda empresa que tem um produto ou serviço de demanda contínua pode adotar esse modelo para ter receita previsível e fidelizar mais facilmente sua base de clientes.

A cobrança recorrente surgiu na indústria de tecnologia, com as empresas de SaaS (Software as a Service, ou Software como Serviço), e logo se espalhou por vários segmentos.

Hoje, temos uma economia da recorrência em constante crescimento com diversos negócios adotando essa modalidade.

Exemplos de negócios que fazem cobranças recorrentes

Agora que você sabe o que é cobrança recorrente, já deve ter se lembrado de algumas empresas que atuam com esse modelo, não é mesmo?

As operadoras de telefonia, por exemplo, cobram na recorrência enviando boletos mensais para pagamento de planos de TV, internet e telefone.

Outro exemplo importante são as plataformas de streaming como Netflix, Spotify e HBO, que cobram uma assinatura recorrente para disponibilizar amplos catálogos online de filmes, séries e músicas.

O mesmo modelo de pagamento recorrente é adotado por:

  • Academias
  • Planos de saúde
  • Escolas e universidades
  • Seguradoras
  • Clubes de assinatura
  • Clínicas de estética
  • Pet shops (ex: assinatura de ração).

Além disso, cada vez mais empresas do varejo adotam a opção de assinaturas e compras recorrentes para produtos e serviços que são consumidos com frequência pelos clientes.

Como a cobrança recorrente pode ajudar seu negócio?

A cobrança recorrente é muito útil para os negócios porque traz uma previsibilidade de receita diferenciada.

Com as assinaturas, você consegue prever com mais precisão qual será o fluxo de caixa do negócio nos próximos meses.

Com isso, pode planejar melhor, fazer os investimentos certos e criar estratégias de crescimento.

Nesse sentido, muitas empresas apostam na recorrência para conseguir escalabilidade, ou seja, crescer de forma exponencial sem aumentar os custos de operação.

A cobrança recorrente também é uma arma contra a inadimplência, já que vários métodos permitem a cobrança automática.

Além disso, você aumenta sua eficiência operacional com a recorrência, uma vez que é mais fácil estruturar os processos da empresa a partir de padrões e prazos comuns.

E, claro, a cobrança recorrente é ótima para fidelizar clientes com contratos de longo prazo.

Nada melhor do que transformar consumidores em assinantes para garantir um relacionamento duradouro e a recompra contínua.

Quais são os tipos de cobrança recorrente?

A recorrência pode ser implementada com diversos meios de pagamento.

Conheça os principais tipos de cobrança recorrente utilizados no mercado:

  • Cobrança recorrente no cartão de crédito: é uma das mais comuns e permite que os valores sejam lançados na fatura mês a mês, sem ocupar o limite de crédito do cliente com o valor total da assinatura
  • Cobrança recorrente no boleto bancário: o boleto é enviado mensalmente com antecedência para pagamento 
  • Cobrança recorrente no Pix: o cliente recebe um código Pix ou QR Code para pagar sua assinatura na recorrência
  • Cobrança recorrente no débito automático: o valor da assinatura é debitado automaticamente da conta bancária do cliente todo mês.

Como você pode ver, é possível aplicar a cobrança recorrente com as principais formas de pagamento utilizadas pelas empresas.

As mais indicadas para combater a inadimplência são as que não dependem da ação do cliente para pagamento: o cartão de crédito e o débito automático.

Mas nada impede que você trabalhe com boletos bancários e Pix, principalmente se a ideia é ampliar o alcance do público.

Como implementar a cobrança recorrente na sua empresa?

Para atuar com cobrança recorrente na sua empresa, você precisa criar planos e assinaturas e precificar corretamente seus produtos e serviços.

Na hora de implementar o modelo, é fundamental utilizar uma plataforma de gestão de pagamentos que permita a automatização dos processos.

Já imaginou ter que controlar o pagamento de assinaturas de centenas de clientes de forma manual?

Além do trabalho imenso, há o risco de não identificar pagamentos pendentes, sofrer com a inadimplência e perder assinantes.

Por isso, é essencial ter um sistema que registre todos os pagamentos de assinaturas, automatize a cobrança recorrente e tenha recursos para controlar as finanças.

Vale a pena investir em um sistema de cobrança recorrente?

Com certeza!

Com essa solução tecnológica, você vai reduzir drasticamente as horas de trabalho e ter uma gestão mais eficiente e confiável das suas assinaturas.

Um bom software de gestão de cobrança recorrente deve permitir diversos meios de pagamento, oferecer um controle preciso de assinaturas e ter recursos como retentativas de pagamento, estornos e recuperação de inadimplência.

Além disso, deve ter certificação de segurança e um suporte eficiente para atender suas solicitações.

Tudo isso e muito mais você encontra na plataforma da Vindi, que tem um gateway de pagamento independente e uma solução completa para cobrança recorrente.

Então, aproveite o aprendizado de hoje e dê o primeiro passo para inserir seu negócio na economia da recorrência!

O que você achou deste conteúdo?

O que você achou deste conteúdo?

Vindi

Vindi Plataforma de Pagamento Online e Cobrança Recorrente

A Vindi é um ecossistema completo para gerenciar e receber pagamentos que tem a missão de digitalizar o PIB do Brasil. Venda nos modelos online, presencial e recorrente com agilidade e segurança.

Vindi

Vindi Plataforma de Pagamento Online e Cobrança Recorrente

A Vindi é um ecossistema completo para gerenciar e receber pagamentos que tem a missão de digitalizar o PIB do Brasil. Venda nos modelos online, presencial e recorrente com agilidade e segurança.

Compartilhe esse conteúdo com alguém que possa gostar também

Receba todo mês conteúdos
incríveis como esses para
seguir evoluindo

Conteúdos relacionados

Em um cenário onde a competitividade e a eficiência são fundamentais, a digitalização de negócios se tornou um elemento imprescindível para empresas que desejam permanecer relevantes no mercado. A digitalização, não só transforma operações internas, melhorando processos e reduzindo custos, mas também impulsiona o crescimento ao abrir novas oportunidades de mercado e melhorar a experiência...

📅 Aulão GRATUITO 🚀 Como VENDER MAIS na internet 💰

Mensagens para você