Dia da Consciência Negra e a realidade no Brasil


Comentei em outras publicações aqui no Blog que nós da KingHost trabalhamos com soluções, serviços de tecnologia e conexões humanas. Por conta disso, datas importantes como o Dia da Consciência Negra não poderia ficar de fora do nosso calendário de homenagens e respeito.

Quer ouvir o conteúdo na íntegra? Clique no play abaixo.

Comemorado no dia 20 de novembro em todo Brasil, a data faz referência ao dia da morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo de Palmares. Conhecido por lutar para preservação do modo de vida dos africanos escravizados que conseguiam fugir da escravidão, Zumbi dos Palmares se tornou um símbolo de resistência.

A importância do Dia da Consciência Negra

A data possui extrema relevância como reconhecimento dos descendentes africanos na constituição e na construção da sociedade brasileira.

Vocês sabiam que negros e pardos representam 54% da população Brasileira, segundo dados da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)? Contudo, sua participação no grupo dos 10% mais pobres do Brasil representa 75%. Isso evidencia o Brasil como um dos países mais desiguais do planeta.

Negros na economia e a exclusão digital

Há poucas semanas tive a oportunidade de assistir à palestra da Nina Silva, considerada uma das pessoas negras mais influentes do mundo. Lá, além de diversos dados e informações, ela destacou algo que me chamou bastante atenção.

A população negra movimentou 1,5 trilhões de reais em 2017. Se esta população formasse um país, ela estaria no g20 do consumo mundial“, segundo Locomotiva Instituto de Pesquisa.

No Brasil a realidade tende a ser diferente, uma vez que 2/3 dos desempregados no Brasil são negros.

Pesquisando informações para desenvolver esse artigo, me deparei com um texto, escrito pela jornalista Ana Claudia Mielke, no qual ela conta que em 2014 o IBGE realizou uma pesquisa histórica sobre Acesso à Internet e à Televisão e Posse de Telefone Móvel para Uso Pessoal (PNAD2014TI).

Na pesquisa foi possível evidenciar que, da população com mais de 10 anos que havia acessado a Internet nos últimos três meses antes da realização da pesquisa, 61,5% eram brancos, enquanto que, entre os negros e negras, o percentual baixava para 39,5%.

A diferença já foi ainda maior. Ainda segundo o texto, em 2003, um branco nas mesmas condições de um negro tinha 167% mais chances de acessar a Internet, segundo o Mapa da Exclusão Digital (Fundação Getúlio Vargas)

Vídeo Dia da Consciência Negra

Pensando no respeito e inclusão, nós convidamos KingHosters negros a gravarem um vídeo em homenagem à data. Fizemos algumas perguntas chave que, muitas vezes, pessoas questionam sem perceber que estão agindo de forma discriminatória e não empática.

Nós acreditamos que o mundo pode ser, um dia, livre de preconceitos, discriminações e violência. Fazemos nossa parte aqui dentro da empresa com ações, sempre na busca pelo melhor clima organizacional possível aos nossos colaboradores com respeito e inclusão.

Fique ligado no LAB, o Blog da KingHost para mais conteúdos sobre tecnologia, diversidade e inclusão.

Ivan Guevara

Ivan Guevara

Analista de Conteúdo em KingHost
Jornalista por formação, especialista em Marketing pela FGV. Movido por música, good vibes e baterias carregadas.
Ivan Guevara

Comentários

comentário(s)