📅 Conexão KingHost 🚀 Conteúdos exclusivos para o seu negócio evoluir no digital 💰

Kinghost | Blog

Script para servidor VPS: entenda agora como executar

Publicado em 01/03/2023

Atualizado em 01/09/2023
Capa com pessoa utilizando computador. Imagem ilustrativa para texto script VPS.

Se você deseja saber como executar script para servidor VPS, este é o artigo certo. Quando o assunto é hospedagem de site, muitas pessoas logo lembram dos servidores VPS.

Pensando nisso, a Kinghost escreveu este conteúdo, para tirar suas dúvidas sobre script para servidor VPS.

Aqui, você vai saber o que é um script e como funciona um VPS. Além disso, separamos informações sobre o script linux e SSH para aprofundar o seu entendimento.

Além disso, você vai entender como executar scripts no VPS. 

Por isso, recomendamos que leia este artigo até o final. Boa leitura!

Afinal, o que é um script e para que serve?

É provável que você já tenha ouvido falar em script, mas como algo que tenha relação com o cinema ou televisão. 

Neste caso, nada mais é do que um texto que apresenta instruções a serem seguidas pelos envolvidos em uma produção.

De forma semelhante, quando trazemos a palavra para o mundo dos computadores, podemos definir script como as instruções para que a máquina pratique ações conforme a programação.

É possível programar os scripts para uma infinidade de funções. Por exemplo, se você tem ou teve um blog, é provável que tenha usado alguns scripts para melhorar a sua página.

Assim, podemos mencionar algumas funcionalidades, como melhorias em efeitos visuais, tipo alteração de cores, ou o contador de visitas.

Além disso, é possível programar outras funções, como a execução de músicas durante a navegação pela página ou setas de mouse diferenciadas.

Portanto, praticamente todo site utiliza scripts, sendo eles os maiores responsáveis pela interatividade que existe atualmente.

Para saber o que é um script para servidor VPS, é interessante trazer o conceito de servidor VPS, pois isso vai facilitar sua compreensão. Por isso, leia o próximo tópico.

Como o servidor VPS funciona

VPS é a sigla para Virtual Private Server, que, em português, quer dizer Servidor Virtual Privado.

Este é um tipo de hospedagem que utiliza a técnica da virtualização para, a partir da divisão de um servidor físico potente, criar diversos servidores virtuais individuais.

Assim, mesmo que compartilhem recursos físicos, diversos mecanismos, como memória RAM e processamento, são 100% dedicados a cada um dos servidores individuais.

Desse modo, cada servidor VPS atua como um servidor dedicado, ainda que tenha um poder de processamento inferior.

É importante saber, ainda, que cada conta tem um root, que é um acesso administrativo, e processos independentes. 

Com isso, o servidor VPS tem a garantia de maior autonomia no momento da configuração do sistema, conforme suas necessidades, processos, softwares e demais configurações.

Vale comentar também que, geralmente, um servidor VPS serve para sites cuja memória e processamento permitam atendimento por planos compartilhados, mas precisam de recursos feitos somente por planos dedicados. Confira os exemplos abaixo:

  • firewall personalizado;
  • mudanças de parâmetros do servidor Apache;
  • trocas globais variáveis do PHP;
  • envio de e-mails em nível moderado a alto.

Além dessas funcionalidades, há várias outras, bem como é interessante destacar que existe mais de um tipo de servidor VPS.

No tópico a seguir, vamos falar melhor sobre o script para servidor VPS, e você poderá conhecer 2 tipos. Por isso, continue a leitura.

Script para servidor VPS 

Para você entender melhor o que é um script para servidor VPS, é interessante ressaltar que essa tecnologia é uma boa alternativa às formas tradicionais de hospedagem.

Com isso, essa é uma boa alternativa para aqueles que precisam de um servidor com capacidade superior de processamento e memória RAM.

A partir de agora, vamos comentar especificamente sobre o script linux e o script SSH. Quer saber mais sobre eles? Então, continue a leitura.

Script linux para administrar o servidor VPS

Uma das vantagens para quem procura pelo script Linux diz respeito aos custos, que costumam ser bastante atrativos.

Isso se deve ao fato de que o aluguel de um servidor VPS costuma ser dividido entre os clientes, o que resulta em um preço mais baixo.

Além disso, é interessante destacar que, ao usar o script Linux, você pode escolher entre a configuração gerenciada e semi-gerenciada.

A opção gerenciada oferece suporte para a resolução de problemas relacionados ao servidor e à hospedagem.

Por sua vez, a opção semi-gerenciada oferece garantia de bom funcionamento do servidor apenas, bem como sua disponibilidade.

Script SSH para gerenciamento de servidor VPS

O SSH é um protocolo que serve para estabelecer conexões remotas rapidamente a outros servidores, com segurança.

Como a sigla SSH representa a expressão Secure Shell, para entendermos melhor como ela funciona, vale a pena verificar o que ela representa.

Assim, secure está relacionado à segurança da conexão SSH com o servidor, a qual é criptografada. 

Desse modo, todo dado interceptado em uma conexão SSH fica ilegível e apenas o servidor conectado poderá descriptografar a mensagem.

shell está relacionado à interface de usuário, que tem uma biblioteca de comandos. Dessa forma, o usuário que tiver informações sobre os comandos pode fazer alterações no sistema.

Por fim, vale destacar que há 3 maneiras de estabelecer uma conexão SSH com o servidor VPS, as quais consistem em:

  • ao conectar em um servidor via SSH com senha do usuário;
  • conectar em um servidor via SFTP;
  • ou conectar em um servidor via chaves SSH.

Agora, está faltando comentar sobre como executar scripts para servidor VPS. Sobre isso, leia no tópico a seguir.

Como executar scripts no VPS?

Para executar scripts no VPS, um dos requisitos é definir que tipo de VPS você necessita. Por exemplo, muitas pessoas consideram obter um VPS maior para manter todos os seus arquivos em um único lugar.

Além disso, é importante considerar a localização, visto que é importante usar algum que esteja em seu mesmo território ou o mais próximo possível, para evitar atrasos. Podemos mencionar, ainda, a importância dos backups.

A partir disso, é possível fazer algumas configurações. Por exemplo, pode ser necessário ter duas pastas no servidor, uma para os modelos de núcleos personalizados e outra para o armazenamento de arquivos que tenham listas de subdomínios.

Depois disso, é possível criar o script para escanear a pasta e verificar se há arquivos novos. Isso é possível a partir de um hash MD5.

Conheça o servidor VPS da KingHost

Agora que você sabe tudo sobre script para servidor VPS, que tal contar com a solução da KingHost?

Afinal, nosso servidor VPS tem um custo acessível, mais em conta do que os planos de hospedagem.

Além disso, é você quem determina as configurações e adapta o espaço conforme as suas necessidades, entre outras vantagens.

Esperamos ter conseguido te ajudar a tirar suas dúvidas. Se gostou deste artigo, continue no Blog da KingHost e confira nossos outros conteúdos.

servidor VPS

O que você achou deste conteúdo?

O que você achou deste conteúdo?

Redação KingHost

Redação KingHost

Somos uma empresa de soluções digitais, especialistas em simplificar o uso da tecnologia e referência em hospedagem de site.

Redação KingHost

Redação KingHost

Somos uma empresa de soluções digitais, especialistas em simplificar o uso da tecnologia e referência em hospedagem de site.

Compartilhe esse conteúdo com alguém que possa gostar também

Conteúdos relacionados

As ameaças virtuais estão mudando constantemente e se tornando cada dia mais sofisticadas. Por isso, para quem tem um negócio online, a segurança é um ponto que merece grande atenção. De acordo com o Relatório do Sitelock que analisou 14 milhões de sites em 2022, sites recebem cerca de 5.5 vezes mais tráfego de bots...

Assine a nossa newsletter e receba conteúdos para apoiar o crescimento do seu negócio

Sem Título(obrigatório)

📅 Aulão GRATUITO 🚀 Como VENDER MAIS na internet 💰

Mensagens para você