Quando é hora de migrar para um servidor na nuvem?


Migrar para um servidor na nuvem pode significar um salto de performance e financeiro para sua empresa muito grande. Mas afinal de contas, quando é hora de migrar sua infraestrutura para uma hospedagem na nuvem?

Sem tempo? Ouça o conteúdo na integra ?

Listamos quatro cenários em que migrar para um servidor na nuvem pode trazer ótimos resultados para sua empresa.

Esse texto faz parte da série “Guia completo sobre Cloud Computing”. Um guia completo sobre servidores na nuvem e suas vantagens.

4 sinais de que você precisa migrar para um servidor na nuvem

Migrar para um servidor na nuvem, em primeiro lugar, vai depender do seu nível de necessidade, que deve ser o objetivo dessa mudança.

A partir disso, você já consegue mapear os pontos que quer melhorar dentro do site, como aumento de recursos, por exemplo, em busca de uma performance melhor.

Com isso entendido, vale a pena conhecer os 4 sinais que você precisa saber para migrar para um servidor na nuvem (cloud). Confira:

1. Aumentar recursos

Uma das principais causas de migração para a nuvem hoje em dia está relacionada à necessidade de aumentar recursos na infraestrutura atual.

Se a sua estrutura atual, seja ela física ou virtual, já não atende a demanda da sua aplicação, é hora de começar a pensar em migrar.

Nesse caso, ao decidir migrar sua infra para a nuvem, você dá um passo importante para melhorar a performance das suas aplicações. Além disso, dependendo do objetivo da sua aplicação os resultados financeiros podem melhorar muito.

Um exemplo bastante comum é uma plataforma de e-commerce que ao migrar para a nuvem melhora sua performance, o que acaba refletindo em um site mais rápido e pode significar mais vendas para sua empresa.

2. Economia

Migrar para a nuvem buscando redução de custos é outra causa bastante comum. Isso porque, quando comparado a soluções in house ou infraestruturas fora do país, o custo com uma hospedagem na nuvem no Brasil é muito menor.

Além da economia de estruturas e servidores, o custo de manutenção do servidor da nuvem fica a cargo da empresa de hospedagem que você escolher, o que pode representar uma economia mensal muito grande para sua empresa.

Por isso, se a sua infraestrutura atual exige muitos investimentos financeiros da sua empresa, talvez seja hora de migrar para a nuvem.

3. Crescimento do projeto

O seu projeto cresceu, o volume de acessos está cada dia maior e a sua estrutura atual já mostra sinais de que não dá conta da demanda, você já sabe, né?

Nesse cenário, migrar para a nuvem é uma medida extremamente necessária para manter seu projeto rodando a pleno vapor e sem prejuízos para sua empresa.

4. Segurança

Se as medidas de segurança da sua infraestrutura atual já não são mais suficientes para garantir a total proteção dos seus dados e dos seus clientes, migrar para a nuvem é uma questão de sobrevivência.

Segurança nos dias de hoje é indispensável para o sucesso de qualquer negócio e empresas que não se adaptarem a esse cenário podem perder clientes rapidamente.

Caso você ainda esteja com dúvida se está na hora de migrar para um servidor na nuvem (cloud) faça o download o material grátis abaixo com um checklist que indica se você está no momento ideal de fazer a migração.

Junto disso você ainda vai conseguir entender se a melhor solução é um servidor cloud ou VPS. Assista a live feita pelos nossos especialista, Cloud ou VPS: Qual Servidor em Nuvem Usar, e baixe o ebook grátis abaixo. Clique no banner e confira!

kinghost-servidor-clou-do-vps-descubra-qual-o-ideal-para-seu-projeto

Como montar um servidor na nuvem?

Calcular a quantidade de recursos que a sua aplicação necessita é sempre uma tarefa difícil e pode impactar em muitos aspectos do seu negócio. Então como você pode realizar o dimensionamento da sua aplicação de forma mais certeira?

Uma boa forma de realizar o dimensionamento é através do cálculo de recursos. Funciona da seguinte forma, o cálculo leva em consideração a utilização de disco, memória e processamento que sua aplicação consome.

No cálculo você precisa pesar o volume de acessos simultâneos que sua aplicação recebe + a quantidade de armazenamento que ela necessita + a volatilidade de remoção dos dados, que é a quantidade de informações recebidas pelo site e o tempo que elas ficam salvas no servidor.

Quanto mais dados armazenar mais espaço o servidor vai precisar e quanto mais tempo as informações ficam salvas mais espaço em disco será necessário.

Outro ponto que precisa de atenção é o seu banco de dados. Se o banco ficar no mesmo ambiente da sua aplicação é importante considerar esse espaço na hora de dimensionar sua infraestrutura na nuvem.

Também é preciso levar em conta as versões mais estáveis e atuais de softwares que sua aplicação está utilizando. Versões mais atuais dos softwares exigem menos hardware, versões mais antigas exigem mais hardware do seu servidor.

Como migrar para nuvem?

A melhor forma de migrar para nuvem é procurando uma empresa especializada nisso, para que você não corra o risco de perder algum dado, mesmo que você seja um profissional da área. 

O processo de migração é delicado, por isso a importância de contar com um local seguro. Na KingHost você pode contar um serviço de hospedagem cloud de confiança e agendável, para não atrapalhar o seu tráfego.

Conte ainda com suporte humanizado, com atendimento 24X7, migração gratuita e preços em real, que não alteram. Clique no banner abaixo e confira!

Vinícius Pereira
Últimos posts por Vinícius Pereira (exibir todos)

Comentários

comentário(s)