Como criar um site: tudo que você precisa saber


Se você chegou aqui é porque tem interesse ou curiosidade sobre como criar um site, certo? O que eu posso garantir é que você está onde deveria estar e eu vou te ajudar com todas as informações que você precisa para tirar seu projeto do papel.

Quer uma experiência diferente? Clique no play e ouça o conteúdo na íntegra:

Para criar um site você precisa conhecer alguns conceitos como a definição do projeto; quais as plataformas você pode escolher para criar seu site; entender o que é domínio e como você faz para registrar o seu; e compreender o que é hospedagem de sites e as opções de hospedagem disponíveis. Vem comigo que te explico no caminho deste post.

Como Criar um Site – Passo 1: Definição do Projeto

Sempre que me perguntam qual o primeiro passo na jornada de como criar um site, eu respondo com outra pergunta: que tipo de site você quer? É um site institucional? Um blog? Um site para vender produtos? A definição do projeto vai ser o pontapé inicial que vai nortear todo o desenrolar das próximas etapas. É importante definir o objetivo para que possa entender como chegar lá, traçar uma estratégia e se guiar por ela dentro das opções disponíveis. Sem a definição de um objetivo claro, não vamos a lugar nenhum. E isso serve para tudo que fazemos em nossa vida, incluindo a criação de um site.

SITE:

Site é o lugar na internet onde você irá reunir as informações do seu negócio ou projeto. O site pode ser, entre algumas opções:

– Institucional: possui informações a respeito de uma determinada instituição, como uma escola, organização ou empresa, por exemplo. Tem o papel informativo e explicativo, com detalhes sobre localização, história e demais informações relacionadas ao assunto em questão. É um canal duradouro com todos os tipos de cliente via online.

– Educativo: possui caráter didático, com conteúdos que podem contribuir para o conhecimento dos visitantes.

– Entretenimento: como o nome diz, tem o objetivo de lazer e diversão dos leitores. Estas páginas podem ser desde entretenimento adulto, a jogos e brincadeiras.

– Informativo: são sites de jornais e veículos de comununicação, por exemplo, que são abastecidos com informações com frequência estipulada por cada página. Podem ser informativos locais, regionais ou nacionais, dependendo do propósito de cada página.

– Portais de emprego/Classificados: com anúncios de vagas e ofertas de trabalho para pessoas que buscam oportunidades e/ou querem anunciar produtos  venda.

Exemplo: site da KingHost

BLOG:

Este aqui possui uma estrutura diferenciada, na qual é possível realizar postagens e organizá-las por ordem cronológica. Normalmente é utilizado para divulgar opiniões, sugestões ou dicas seja de viagens, gastronomia, DIY (aqueles faça você mesmo, sabe?), etc.

Manter um blog também é bastante indicado a empresas e organizações que querem manter um canal de comunicação direto com o público. É por meio do blog que as empresas podem falar sobre seus produtos de forma mais detalhada, com o intuito de aproximar suas soluções às necessidades reais de cada público.

O Blog também serve para promover a visibilidade da marca, uma vez que os conteúdos, que podem ser abordados de forma mais especializada e segmentada aqui, têm a possibilidade de serem encontrados nos mecanismos de buscas, como o Google, gerando visibilidade e reconhecimento da marca. Em síntese: o blog é um canal de extrema importância para comunicação estratégica das empresas.

Exemplo: LAB, Blog da KingHost.

E-COMMERCE:

Voltado para quem quer trabalhar com comércio eletrônico, possibilitando transações de compra e venda online, a qualquer hora do dia e da semana.

Mas por que vale à pena investir no e-commerce? Porque mesmo que você já tenha uma loja física, você poderá divulgar e vender seus produtos para outras pessoas que nem sempre conseguem ir até seu ponto físico.

A praticidade e facilidade gerada pelo comércio eletrônico possibilita, além de aumentar seus lucros, alcançar novos públicos e potenciais clientes. Para quem não possui loja física, abrir um negócio eletrônico é sinônimo de economia de aluguel e custos fixos, como os de uma loja em uma movimentada rua da sua cidade. Além disso, a promoção e divulgação de produtos online pode ser mais assertiva diante da quantidade de ferramentas disponíveis para uso.


Com o tipo de projeto definido, podemos passar para a próxima etapa.

Passo 2 – Escolha a plataforma para criar seu site

Na caminhada de como criar um site, podemos optar entre algumas plataformas que servirão para o desenvolvimento do projeto. Cada um tem suas vantagens e podem ser indicadas para respectivos projetos. Listei aqui três das mais conhecidas opções.

CMS

Talvez você possa ter visto essa sigla entre as pesquisas anteriores até chegar aqui.

Na realidade CMS se refere a um sistema gerenciador de conteúdo, ou seja, uma plataforma com a qual é possível você administrar conteúdos de um site ou blog.

A parte legal e prática deles é que esses sistemas não exigem a necessidade de conhecimentos de programação para edição, tornando o uso mais acessível. Há diversos plugins com os quais você pode aplicá-los na plataforma, otimizando a experiência do usuário.

Um dos CMS mais usados é o WordPress, presente em mais de 30% dos sites no mundo todo. Com ele é possível desde criar blogs, sites, portais corporativos e até lojas virtuais, tudo com bastante facilidade. Além disso, a instalação pode ser feita em poucos minutos.

E ainda tem mais coisas legais sobre o WordPress: a comunidade online da plataforma é gigantesca, permitindo que os novos usuários resolvam dúvidas rapidamente, baixem plugins gratuitos e templates para WordPress de diversas fontes e nos mais variados estilos. Outro ponto que vale destaque é o fato do WordPress, que surgiu lá em 2003, ter recebido atualizações frequentes garantindo assim segurança e excelente performance.

Recomendo que você use sempre a versão mais recente. Caso você tenha alguma dificuldade com essas atualizações, seus problemas acabaram. Temos uma solução que faz isso por você: nosso Plano WordPress, com o qual você só precisa se ocupar com a produção de conteúdo – deixa as atualizações e dos plugins gratuitos com a gente.

Criador de site

Outra opção que também não exige conhecimentos técnicos complexos para construir um site. Usando criadores de site você pode criar seu site sozinho e focar na divulgação do projeto para o mundo todo.

Muitos deles possuem mecanismos de clicar, arrastar e soltar, tornando mais prática e intuitiva a experiência.

E claro que a KingHost também possui uma solução pensada para você: o criador de site KingHost. Graças à possibilidade de customização desta ferramenta, é possível criar sites bastante personalizados a partir de templates prontos, agilizando o tempo de criação e produção.

A KingHost disponibiliza uma seção inteira com questões e dúvidas sobre o criador de sites. Caso já tenha contratado, saiba como acessar o criador de site pela primeira vez.

Programação Própria – Desenvolvedor Web

Outra opção para como criar um site é contratar um bom desenvolvedor (nome que é carinhosamente abreviado para DEV).

Este caso pode ser mais indicado quando se pretende criar um site do zero, sem utilizar templates e ferramentas pré-prontas. É o caso, muitas vezes, de grandes empresas que pretendem fazer grandes investimentos em portais e sites bastante robustos, seja para possibilitar comércio eletrônico, como também para divulgar informações a respeito da própria organização.

A liberdade para deixar o projeto do jeito que você quer é bastante grande, contudo o valor do investimento tende a ser maior que as outras opções.

Neste momento você pode ter de escolher entre o desenvolvedor freelancer ou uma equipe como em uma agência, por exemplo.

Faça uma análise buscando por referências e trabalhos já realizados por ambas partes antes de fechar negócio. Afinal, é o sonho do seu projeto que está em jogo.

Passo 3 – Registro de Domínio

Meus amigos, chegamos em um momento bastante importante na trajetória de como criar um site. É agora que vamos dar nome ao nosso projeto.

Como assim? Calma que eu explico.

Registrar um domínio significa garantir um endereço próprio online, mesmo que você não possua ou pretenda criar um site neste momento. Ou seja, é a url que será o endereço do seu site.

Se quiser ler ainda mais detalhes sobre o assunto, temos um ótimo artigo sobre como escolher o melhor domínio para seu site.

A partir da decisão do nome do seu negócio ou projeto, qualquer momento é válido para você registrar o seu domínio e será um dos menores investimentos que você irá realizar no processo de como criar um site. No entanto, trará importantes resultados ao seu negócio.

Com um domínio próprio, você pode ser encontrado através de pesquisas no Google, pode ter o acesso à sua página em uma rede social facilitado, permite a você ter emails personalizados, um blog, e ainda utilizar ferramentas de Automação de Marketing responsáveis por gerar leads e vendas.

Uma dica é consultar a disponibilidade do domínio antes mesmo de definir detalhes da sua marca. Eu falo isso porque, com o crescimento do número de negócios online, mais de 3,5 milhões de domínios com a extensão .com.br já estão registrados. Portanto, hurry up!

4 – Escolha da Hospedagem

Antes de entrarmos no passo nº 4 no processo de como criar um site, quero entender uma coisa: você sabe o que é uma hospedagem de site?

Meu colega Paulo Salatino preparou um vídeo no qual explica de forma bem fácil esse conceito.

Hospedagem de site nada mais é que um armazenamento de arquivos que possibilitam que seu site esteja no ar e que seja visto por todo mundo. As empresas de hospedagem de sites hospedam esses arquivos em servidores.

Mas o que são os servidores?

Imagina o computador que você tem em casa, só que bem maior, mais robusto e com um maior desempenho. Isso é um servidor, computadores com uma capacidade bastante superior e que armazenam o seu site na internet.

Uma pergunta que pode surgir é “ah, mas se eu quero contratar uma empresa de hospedagem de sites, é só eu me preocupar se ela armazena ou não meus arquivos?“. Não! Você também precisa se focar em outros serviços que elas têm de prestar como por exemplo: tráfego, espaço em disco, domínio, contas de email, isso são fatores que diferenciam muito uma empresa de hospedagem de outra.

Importante reforçar: sem uma hospedagem de site, seu site não pode ser visto por todo mundo.
Todos os serviços que você contratar em um plano de hospedagem, vão ser essenciais no sucesso do seu projeto.

Conheça alguns deles:

SSL Let’s Encrypt

O certificado SSL é um componente de segurança que garante a integridade de dados em transações pela internet. Através deste dispositivo, sua empresa garante que o site é confiável através da troca de dados criptografados, impedindo a leitura destas informações por outros (softwares maliciosos, por exemplo) que não participam diretamente da operação. Ele pode ser identificado pelo pequeno cadeado na barra para digitar endereço do site.

 

SEO Certo

É uma ferramenta da KingHost focada na otimização de SEO de forma fácil, rápida e com preço acessível. Utilizando a solução, é possível fazer um diagnóstico de performance da presença digital, recebendo estratégias focadas na otimização do seu site, centralizando todas as informações que você precisa em uma única ferramenta.

Email Marketing

Carro-chefe das ações de divulgação dos produtos, o email marketing não pode ser esquecido no momento de investir no seu site. Com ele é possível criar campanhas, segmentar listas e analisar os resultados de envio de emails com foco em conversão. Você pode testar a ferramenta de email marketing da KingHost gratuitamente.

Conclusão

Neste post você encontrou mais informações detalhadas sobre o processo de como criar um site. Espero ter resolvido algumas dúvidas e desmistificado alguns conceitos de forma a tornar mais fácil e intuitivo as etapas da construção de um site.

Para aqueles que não querem mais perder tempo e querem colocar seu site no ar agora mesmo, conheça nossos planos de hospedagem abaixo. Posso garantir pra você que nossa equipe está disponível 24/7 para ajudar você no que for preciso.

Caso tenha surgido alguma dúvida, deixe um comentário que teremos maior prazer em responder a vocês. E uma última dica: fique à vontade para favoritar esta página para futuras conferências 😉

Resumo
Como criar um site: tudo que você precisa saber
Nome do Artigo
Como criar um site: tudo que você precisa saber
Descrição
Para quem sempre quis saber como criar um site, este material servirá de guia norteando cada passo para tirar seu projeto do papel.
Autor
Nome
KingHost
Logo
Ivan Guevara

Ivan Guevara

Analista de Conteúdo em KingHost
Jornalista por formação, especialista em Marketing pela FGV. Movido por música, good vibes e baterias carregadas.
Ivan Guevara

Comentários

comentário(s)